Pagamento de passe dos TUB por multibanco aumenta comodidade dos clientes

dm141024_blog

“Novas funcionalidades divulgadas no Hospital de Braga”

“Aumentar a comodidade dos clientes é o grande objetivo da introdução da opção de carregamento por multibanco dos passes dos autocarros dos Transportes Urbanos de Braga (TUB) e cuja promoção está a ser feita, até hoje, no Hospital de Braga. Através desta nova funcionalidade, já disponível, os interessados podem pagar a respetiva mensalidade sem saírem de casa ou no multibanco mais próximo, evitando, assim, deslocações a um dos seis postos de venda.

Para Teotónio dos Santos, da administração dos TUB, «Braga precisava de um serviço assim», que permitisse carregar o passe «sem transtornos».

«Isto vai ao encontro das necessidades do cliente. Não faz sentido e consideramos socialmente inaceitável que estes gastem dinheiro – 25 euros no mínimo – num passe e tenham de esperar, por vezes, numa fila interminável, ao frio e à chuva», considerou, lembrando situações mais graves no caso de pessoas que vivam afastadas do centro da cidade.

Aderir ao pagamento do passe mensal por multibanco é «bastante simples », considerou Rui Martins, do Departamento de Sistemas de Informação da empresa.

Basta que o cliente se desloque a um posto dos TUB com o seu passe e indique o seu número de contribuinte e um endereço de e-mail para o qual, todos os dias 21 do mês, é enviada uma referência de multibanco e o valor a pagar, assim como o respetivo comprovativo de pagamento.

Neste aspeto, Rui Martins realça que o pagamento só fica garantido no prazo de 48 horas. O responsável adianta ainda que a ativação deste serviço não invalida o pagamento do passe pelo método tradicional. «Este sistema não é obrigatório, ou seja, a pessoa, mesmo recebendo o email, pode fazer o pagamento num posto de venda se lhe for mais cómodo », explicou.

Outubro foi o mês inaugural do carregamento dos passes de autocarro por esta via, motivo pelo qual os responsáveis pela empresa estão até hoje no Hospital de Braga a divulgar a novidade, assim como as novas linhas e o reforço de outras, que passaram a parar na entrada principal da unidade de saúde.

Segundo Rui Martins, que tem acompanhado as ações de divulgação – que já tiveram início em setembro, na receção aos alunos na Universidade do Minho – as opiniões recolhidas junto da população têm sido positivas e são um forte contributo para a melhoria dos serviços já existentes.

Também Teotónio dos Santos considerou que a adesão às novas linhas, e em concreto às que ligam ao Hospital de Braga, tem sido «fantástica». «Os clientes estão muito satisfeitos e a procura tem aumentado», referiu o responsável ao Diário do Minho.”

in Diário do Minho, 24/10/2014