“Fazer chegar o autocarro a tempo e horas”

“TUB disponibilizam dentro de dias um novo serviço que permite acompanhar em tempo real o cumprimento do horário dos autocarros. Para já, o SAEx, desenvolvido em parceria com a Bosch e a Universidade do Minho, funciona nas linhas 2 e 43.”

“Está na paragem e, através do seu smartphone, quer saber exactamente onde está e quanto tempo vai demorar o autocarro no qual deseja viajar. É esta a principal vantagem da nova funcionalidade a que os subscritores da aplicação TUB Mobile poderão aceder a partir da próxima semana.

O projecto Serviço de Apoio à Exploração (SAEx), que tem estado em testes nas linhas 2 (Prado – Bom Jesus) e 43 (Estação da CP – Campus de Gualtar), entra agora numa fase de validação juntos dos utilizadores da ‘app’ da transportadora municipal. Projecto desenvolvido em conjunto pelos TUB, Bosch e Universidade do Minho, o SAEx está a ser divulgado no ‘Portugal Smart Cities Summit’, que decorre em Lisboa.

Rui Martins, do departamento de inovação dos TUB, explicou que o objectivo da nova plataforma é eliminar uma das grandes condicionantes do serviço de transporte: a imprevisibilidade.

Merçê da informação recolhida através de sensores colocados nos autocarros, pode-se antecipar situações que condicionem a prestação do serviço, nomeadamente o cumprimento dos horários.

Através da ‘app’ TUB Mobile, os utentes terão acesso a informação sobre tempo real de passagem dos autocarros, com estimativa de atrasos ou avanços em relação ao horário definido.

Rui Martins adiantou que a fase de testes nas linhas 2 e 43, duas das mais movimentadas da rede dos TUB, tem estado “a correr bem”, aguardando-se agora pela fase de interacção com os utilizadores do transporte público municipal.

“Queremos dotar os nossos passageiros de informação em tempo real e queremos que todos esses dados também sirvam para criar novos procedimentos internos, de forma a antecipar as condicionantes do serviço”, acrescentou aquele quadro dos TUB.

Francisca Ribeiro, da Bosch, precisa que a nova tecnologia permite obter “estimativas mais acertadas e em tempo real” do cumprimento ou atraso dos horários dos autocarros, Com esta informação que dentro em breve ser disponibilizada aos utentes dos TUB, a transportadora pretende também “criar inteligência interna” que facilite uma gestão do serviço não apenas reactiva, mas também preventida, passando a agilizar a oferta de acordo com situações inesperadas ou com acontecimentos sazonais como as férias escolares, os dias de feira ou outros.

No futuro, a nova ferramenta significará uma oferta personalizada às necessidades dos utilizadores de cada uma das linhas operadas pelos TUB, caso o conceito e a tecnologia sejam agora validados pelos utentes dos autocarros que fazem as linhas 2 e 43.”

in Correio do Minho, 13/04/2018 #TUB #mobilidade #sustentavel #recortesdeimprensa