“Queremos simplificar a vida das pessoas”

“Estivemos à conversa com Teotónio Santos, do Conselho de Administração dos Transportes Urbanos de Braga (TUB).”

“Os TUB são uma empresa municipal, vocacionada para oferecer soluções de transporte rodoviário de passageiros no concelho. Existem desde 1982 e são herdeiros de uma tradição centenária de transportes públicos em Braga. Atualmente, têm um universo de 340 colaboradores e uma frota de 140 autocarros.

A sua intervenção abrange todas as 37 freguesias do concelho, todos os dias, com um horário que inicia às 5 da manhã e termina à 1h30 da madrugada. Para além da vertente de transporte público, a empresa disponibiliza o serviço comercial de aluguer de viaturas e também um serviço de autocarros turísticos, focado na zona central da cidade e nas alturas do Verão e da Semana Santa.

Conforme nos é dito por Teotónio Santos, desde 2014 que os TUB vivem “um novo fôlego”, sendo um caso singular no país a nível de crescimento. “Conseguimos eliminar os prejuízos que existiam ano após ano, aumentámos consecutivamente o número de passageiros, fizemos crescer o nosso volume de negócios sem aumentar tarifários, a oferta aumentou e prestamos um serviço cada vez melhor aos cidadãos”, sublinha.

O público tem correspondido com uma preferência cada vez mais clara, algo que é fruto de um trabalho que “cria relações de confiança com as pessoas”, mediante “um serviço consistente, frequente e fiável”. Fundamentando, Teotónio Santos explica- -nos que hoje “os principais polos da cidade estão ligados com frequências de 15 em 15 minutos”. Acresce ainda que, se anteriormente os TUB podiam ser acedidos apenas através de seis pontos de venda – “que abriam tarde e fechavam cedo” -, hoje existem “mais lojas, horários maiores e é possível o carregamento por Multibanco ou por Payshop”, o que significa que o número “passou de seis para 85”.

Paralelamente a isto, a empresa reforçou a sua comunicação tanto no contexto digital como através de iniciativas de contacto presencial com o público bracarense, tornando cada vez mais acessível a informação acerca dos serviços que presta.

Num cenário em que conduzir nas cidades impõe cada vez mais constrangimentos, Teotónio Santos considera que muito do sucesso dos TUB está na forma como tem procurado “simplificar a vida das pessoas, dar-lhes mais qualidade de vida e reduzir- -lhes custos”.

Por fim, os TUB estão também a ser um agente facilitador da relação entre a comunidade local e o Sporting de Braga. Entre os exemplos desse trabalho, Teotónio Santos fala-nos da prática de preços simbólicos para os bilhetes de ida e volta em dias de jogo, ou da divulgação de informação relativa ao clube dentro das suas viaturas. “Fomo-nos aproximando – da mesma forma que também temos parcerias com outros clubes da cidade – e à medida que vamos trabalhando vamos pensando em novas possibilidades”, refere.”

in PORTUGAL INOVADOR, nr.105 Abril|208 #recortesdeimprensa #tub #nmobilidade #sustentavel