Arquivo da Categoria: Recortes de imprensa

TUB retomam circuíto turístico Braga- Bom Jesus

HOJE, os TUB retomam o circuito turístico ‘Braga e Bom Jesus Tour’, que funcionará até ao fim de Setembro. Serviço contempla oito viagens diárias.

Os Transportes Urbanos de Braga retomam hoje o circuito turístico ‘Braga e Bom Jesus Tour’. Até ao dia 30 de Setembro, será possível aos bracarenses e visitantes percorrer e conhecer a cidade de uma outra forma.

O circuito turístico, que funciona em parceria com a CARRISTUR, dispõe de oito viagens diárias, entre as 10 e as 17 horas, com uma duração aproximada de uma hora por viagem.

O circuito tem início na Avenida Central e percorre os principais pontos de interesse turístico de Braga.

No percurso destaca-se uma paragem junto ao Posto de Turismo, na zona mais central da cidade, bem como uma paragem junto ao Pórtico do Bom Jesus.

O circuito permite, ainda, fazer a ligação ao Funicular do BomJesus, à central de camionagem e à estação de caminhos de ferro.

Este serviço dispõe de um sistema áudio que está disponível em seis línguas: português, inglês, espanhol, alemão, francês e italiano.

O preço dos bilhetes é de 12 euros para adultos e 6 euros para as crianças. Grupos com quatro ou mais pessoas usufruem de desconto de 10%.

Os bilhetes podem ser adquiridos a bordo ou nos agentes identificados para o efeito.

O bilhete permite, ainda, realizar a viagem de ida e volta no Fnicular do Bom Jesus, bem como, viajar em toda a rede dos Transportes Urbanos de Braga.

“O Turismo tem uma especial relevância para o desenvolvimento socioeconómico da região e é um objectivo estratégico para a cidade, pelo que compatibilizar o transporte público com períodos de grande afluência de turistas, como acontece no Verão em Braga, representa uma grande oportunidade para os Transportes Urbanos de Braga”, refere a empresa municipal em nota à imprensa.

@Correio do Minho, 26 de junho de 2019

#TUB #Mobilidade #Sustentavel #RecortesDeImprensa

Circuito turístico liga cidade ao Bom Jesus

Os Transportes Urbanos de Braga (TUB) retomam hoje, dia 26 de junho, o circuito turístico “Braga e Bom-Jesus Tour”. Até ao dia 30 de setembro será possível aos bracarenses e a todos os que visitam Braga percorrer e conhecer a cidade de uma outra forma.

O circuito, que funciona em parceria com a CARRISTUR, dispõe de oito viagens diárias, entre as 10h00 e as 17h00, com uma duração aproximada de uma hora por viagem. O percurso turístico tem início na Avenida Central e percorre os principais pontos de interesse turístico da cidade de Braga.

No percurso destaca-se uma paragem junto ao Posto de Turismo, na zona mais central da cidade, bem como uma paragem junto ao Pórtico do Bom Jesus. O circuito permite, ainda, fazer a ligação ao “funicular” do Bom Jesus do Monte, à Estação Central de Camionagem e à Estação do Caminho de Ferro.

Este serviço dispõe de um sistema áudio que está disponível em seis línguas: português, inglês, espanhol, alemão, francês e italiano.

O preço dos bilhetes é de 12 euros para adultos e 6 euros para as crianças. Grupos com 4 ou mais pessoas usufruem de desconto de 10 por cento. Os bilhetes podem ser adquiridos a bordo ou nos agentes identificados para o efeito. O bilhete permite, ainda, realizar a viagem de ida e volta no “ funicular” do Bom Jesus, bem como, viajar em toda a rede dos Transportes Urbanos de Braga.

«O turismo tem uma especial relevância para o desenvolvimento socioeconómico da região e é um objetivo estratégico para a cidade, pelo que compatibilizar o transporte público com períodos de grande afluência de turistas, como acontece no verão em Braga, representa uma grande oportunidade para os TUB», disse fonte da Câmara Municipal de Braga.

@Diário, 26 de junho de 2019

#TUB #Mobilidade #Sustentavel

“TUB dinamizaram ações no âmbito da campanha “EU in My Region””

“No âmbito da campanha lançada pela União Europeia

“EU in My Region”, os TUB dinamizaram duas ações que decorreram em paralelo na Universidade do Minho.

A campanha incentiva os cidadãos a descobrirem os projetos europeus na zona onde vivem e a partilhar as suas imagens e experiências.

Nesse sentido, os TUB realizaram uma ação junto da comunidade mais jovem, contando para tal com presença do eurodeputado José Manuel Fernandes, e dos administradores dos TUB Teotónio Santos e Sandra Cerqueira, que estiveram em representação da transportadora municipal.

Numa abordagem informal, interativa, descontraída e muito divertida foi possível captar a atenção de um grupo de crianças do 1º ciclo da Escola EB1 de Tenões, sensibilizando-as para as questões da mobilidade urbana sustentável em simultâneo com a apresentação do projeto de investimento com recurso a fundos comunitários em autocarros mais amigos do ambiente, com uma melhor performance ambiental.

É o caso das seis viaturas 100% elétricas adquiridas recentemente pelos TUB e já a operar no concelho “

in Diário do Minho, 05/06/2019 #recortesdeimprensa #TUB #mobilidade #sustentável

“Crianças sensibilizadas para a mobilidade urbana sustentável”

“Acção dos TUB realizou-se no âmbito da campanha lançada União Europeia ‘EU in My Region’”

“No âmbito da campanha lançada pela União Europeia ‘EU in My Region’ que incentiva os cidadãos a descobrirem os projectos europeus na zona onde vivem e a partilhar as suas imagens e experiências, os TUB realizaram uma acção junto da comunidade mais jovem, contando com presença do eurodeputado José Manuel Fernandes, Teotónio Santos e Sandra Cerqueira, que estiveram em representação da transportadora municipal.

Numa abordagem informal, interactiva, descontraída e muito divertida , os intervenientes conseguiram captar a atenção de um grupo de crianças do 1.º ciclo da Escola EB1 de Tenões, sensibilizando-as para as questões da mobilidade urbana sustentável em simultâneo com a apresentação do projecto de investimento com recurso a fundos comunitários em autocarros mais amigos do ambiente, com uma melhor performance ambiental, como é o caso das seis viaturas 100% elétricas adquiridas recentemente pelos TUB e já a operar no concelho.

No final todos participaram na construção de um puzzle gigante e foram distribuídos kits sustentávei, que foram ainda surpreendidas com o convite para subirem a bordo e conhecerem o interior de um autocarro eléctrico que terminou com uma viagem inesquecível.”

in Correio do Minho, 05/06/2019 #recortesdeimprensa #TUB #mobilidade #sustentável

“TUB melhoram oferta para o Bom Jesus”

“Os Transportes Urbanos de Braga (TUB) vão melhorar a oferta de transporte público na linha 02, entre Ponte de Prado e Bom Jesus, aos sábados, domingos e feriados, no âmbito da implementação do PART – Programa de Apoio a Redução Tarifária.

A medida será implementada a partir do próximo dia 1 de junho, sábado, e tem como objetivo «responder ao aumento da procura turística pelo Bom Jesus que tem ocorrido, de forma muito significativa, nos últimos anos bem como antecipar uma possível aprovação da candidatura em curso a Património Mundial da UNESCO».

Assim, segundo os TUB, esta linha passará a dispor também, e tal como já acontece nos dias úteis, aos sábados, domingos e feriados de uma frequência constante ao longo do dia de 30 minutos.

Os horários serão semelhantes aos dos dias úteis, sendo que no Bom Jesus as partidas serão realizadas às horas certas e às horas e trinta minutos, de modo a possibilitarem a ligação com o funicular, que é mais antigo em funcionamento no mundo movido a contrapeso de água, e que possibilita a ligação ao santuário. DE acordo com uma nota de imprensa dos Transportes Urbanos, o PART – Programa de Apoio a Redução Tarifária «foi implementado em Braga em abril de 2019 e preconizava para alem de uma redução tarifária transversal de 16%, que está já em execução nos passes de carregamento mensal, algumas melhorias de oferta que serão agora progressivamente implementadas».

No âmbito deste programa foi afeto ao Município de Braga a verba de 782.689 euros.

Deste montante foi alocado à redução tarifária 81% deste valor, isto é 630.666,05€ sendo que os restantes 19% no valor de 152.020,44 euros serão utilizados em melhorias de serviço.

«Os TUB querem ser mais do que um mero transporte de passageiros. Pretendem ser um interveniente ativo junto da comunidade que servem, assumindo-se na sociedade como um elemento distintivo pelo que a aposta turística e a candidatura a património mundial da UNESCO representam uma oportunidade que os TUB não vão desperdiçar», refere a nota à imprensa.

Assim «reter os atuais clientes bem como captar novos clientes faz parte da estratégia da empresa, pelo que as melhorias de oferta vão continuar por forma a que os TUB sejam cada vez mais uma referência não só no concelho, mas também em toda a região», pode ler-se no documento enviado à imprensa.”

in Diário do Minho, 29/05/2019 #TUB #mobilidade #sustentável

“TUB reforça ao fim-de-semana carreira que serve o Bom Jesus”

“A PARTIR DE SÁBADO, a carreira 02 dos TUB, que liga o Bom Jesus à Ponte de Prado, passa a ter frequência de 30 minutos, ao fim-de-semana. Reforço insere-se na implementação do PART em Braga.”

“Os Transportes Urbanos de Braga (TUB) anunciaram que, no âmbito da implementação do PART – Programa de Apoio a Redução Tarifaria, vão melhorar a oferta de transporte público na linha 02 que faz a ligação Ponte de Prado – Bom Jesus, aos sábados, domingos e feriados.

Em comunicado, a empresa municipal explica que a medida será implementada a partir do próximo dia 1 de Junho, sábado, e tem como objectivo responder ao aumento da procura turística pelo Bom Jesus “que tem ocorrido, de forma muito significativa, nos últimos anos bem como antecipar uma possível aprovação da candidatura em curso a Património Mundial da UNESCO”.

Assim, esta linha passará a dispor também, e tal como já acontece nos dias úteis, aos sábados, domingos e feriados de uma frequência constante, ao longo do dia, de 30 minutos.

“Os horários serão semelhantes aos dos dias úteis, sendo que no Bom Jesus as partidas serão realizadas às horas certas e às horas e trinta minutos, de modo a possibilitarem a ligação com o funicular, que é mais antigo em funcionamento no mundo movido a contrapeso de água, e que possibilita a ligação ao santuário”, refere a empresa.

Recorde-se que o PART foi implementado em Braga já em Abril e preconiza, para além de uma redução tarifaria transversal de 16% (que está já em execução nos passes de carregamento mensal) algumas melhorias de oferta que serão agora progressivamente implementadas.

No âmbito deste programa foi afecto ao Município de Braga a verba de 782.689 euros.

Deste montante foi alocado à redução tarifaria 81% deste valor, isto é 630.666,05 euros sendo que os restantes 19% no valor de 152.020,44 euros serão utilizados em melhorias de serviço.

“Os TUB querem ser mais do que um mero transporte de passageiros. Pretendem ser um interveniente activo junto da comunidade, assumindo-se na sociedade como um elemento distintivo pelo que a aposta turística e a candidatura a património mundial da UNESCO representam uma oportunidade que os TUB não vão desperdiçar”, refere a mesma fonte.

“Reter os actuais clientes, bem como captar novos clientes, faz parte da estratégia da empresa, pelo que as melhorias de oferta vão continuar por forma a que os TUB sejam cada vez mais uma referência não só no concelho, mas também em toda a região”, remata o comunicado.”

in Correio do Minho, 29/05/2019 #TUB #mobilidade #sustentável

“TUB e Bosch levam inovação ao Portugal Smart Cities Summit”

“Os TUB e a Bosch estiveram presentes no Portugal Smart Cities Summit, que decorreu entre os dias 21 e 23 de maio, na FIL – Feira Internacional de Lisboa, fruto «da importância, crescimento e procura».

Segundo a empresa municipal de transportes, os TUB e a Bosch marcaram presença neste evento de Smart Cities com um stand partilhado por forma a darem a conhecer a plataforma MobiBUS.

«Este novo Sistema de Ajuda à Exploração que está a ser desenvolvido permite uma integração total com o sistema de bilhética atual e com as novas filosofias como a Mobility as a Service, cloud e das diversas plataformas e standards existentes (i.e. realtime data, machine learning, GTFS)», refere André Ferreira, da Bosch.

Este esforço permitirá aos TUB, e a qualquer outra empresa de transportes e Autoridades de Transporte, «gerir e informar o utilizador de quaisquer serviços com uma maior precisão e eficácia». «Este sistema é de uma importância vital, especialmente quando considerado que as cidades atualmente pretendem desenvolver progressivamente a rede de transportes públicos de forma integrada, tendo em conta metas ambientais europeias, de investimento e aumento do índice de qualidade de vida dos cidadãos », afirma Rui Martins, dos TUB.

«Firmes que estamos na convicção de que a utilização dos transportes públicos, comparativamente a outros meios de mobilidade, traduz-se como benéfica no sentido de diminuir a poluição atmosférica e preocupações de saúde, reduzindo assim os custos de transporte dos cidadãos», acrescentam os TUB.

A plataforma Mobi- Bus «permite suportar a tomada de decisões que leva à criação de medidas que evitem o aumento do trânsito nas cidades permitindo assim o crescimento sustentável das mesmas, fomentando a evolução das smart cities suportada por uma mobilidade inteligente».

Fonte dos TUB sublinha que, atualmente, todos os serviços de transporte público apresentam falhas que levam a que os cidadãos não escolham recorrentemente o autocarro como meio de transporte principal, tendo sido identificados fatores problemáticos no serviço como: a lotação, a informação disponível ao público, a fiabilidade/pontualidade e a frequência de serviços».

Assim, e de modo a eliminar o desconforto de possíveis clientes, procura- se «desenvolver um sistema que vá ao encontro das maiores preocupações do passageiro que são a disponibilidade do serviço e informação, tempo de viagem, segurança e conforto».

Enquadrado no desenvolvimento da plataforma MobiBUS, foram «realizados esforços no sentido de criar valor em várias perspetivas, como a dos utilizadores do transporte coletivo, motoristas, gestores operacionais e gestão de topo».

De acordo com os Transportes Urbanos, «a participação neste evento permitiu recolher feedback de diversos utilizadores de transporte público e validar os casos de uso identificados durante o projeto».”

in Diário do Minho, 24/05/2019 #TUB #mobilidade #sustentavel #bosch

“Simulacro de incêndio testou plano de emergência dos TUB”

Os Transportes Urbanos de Braga (TUB) promoveram, na passada sexta-feira, um simulacro de incêndio nas oficinas de manutenção da empresa, na rua Quinta Santa Maria, em Maximinos.

O simulacro de incêndio e evacuação teve como objetivo geral «testar a operacionalidade do plano de emergência interno, treinar os colaboradores, criar rotinas de comportamento e atuação, permitindo aperfeiçoar os procedimentos estabelecidos».

Segundo a empresa municipal, após ter sido detetada e comunicada a situação ao responsável de segurança, o mesmo ativou o plano de emergência contactando os Bombeiros Voluntários de Braga, que face à descrição de emergência mobilizaram para o local os meios humanos e materiais necessários.

Cinco minutos após o contacto, os Bombeiros Voluntários de Braga apresentavam-se nas instalações dos TUB onde a responsável da Segurança os aguardava para fornecimento das informações necessárias.

No âmbito da operação, os Bombeiros Voluntários de Braga deslocaram-se para o local com um carro de combate a incêndio, uma ambulância e sete elementos.

Nessa altura num tempo inferior a 5 minutos, seguindo as indicações da equipa de evacuação, já todos os colaboradores da empresa se encontravam concentrados no ponto de encontro e o foco de incêndio na oficina extinto recorrendo aos meios de primeira intervenção.

Já no local do alegado sinistro, os Bombeiros Voluntários de Braga avaliaram a situação, garantiram as condições de segurança para o decurso das operações de busca, salvamento e combate a incêndio.

No decurso destas operações detetaram a presença de um colaborador que no processo de evacuação sofreu uma queda (simulada) na descida das escadas, foram executados todos os procedimentos de estabilização e imobilização da vítima, sendo transportado ao Hospital de Braga pela ambulância presente no local, 17 minutos após a chegada dos Bombeiros aos TUB.

Vinte e quatro minutos após ter sido ativado o plano foi dado por terminado o exercício, seguindo-se uma briefing final onde o comandante interino Pedro Ribeiro frisou, de acordo com o comunicado de impresa, «a importância deste tipo de exercícios nas empresas, bem como a importância formação. Só com uma formação adequada é possível limitar os riscos de incêndio, em complemento às medidas de segurança adotadas no estabelecimento. O investimento efetuado em equipamentos e sistemas de segurança contra incêndios só poderá ser devidamente aproveitado se os colaboradores possuírem formação adequada na área da segurança, de modo a agirem de forma harmónica com as medidas adotadas».

Às 10h32 foi reposta a normalidade e solicitado que todas as atividades regressassem à normalidade, uma vez que o simulacro tinha terminado.

@Diário do Minho 06 de maio de 2019

“Simulacro testa plano de emergência dos TUB”

“AS INSTALAÇÕES dos Transportes Urbanos de Braga, em Maximinos, serviram de palco para a realização de um simulacro, realizado com o apoio dos Bombeiros Voluntários de Braga, que testou o plano de emergência da empresa municipal.

As instalações dos Transportes Urbanos de Braga, na Rua Quinta Santa Maria, em Maximinos, foi palco de um simulacro por estes dias, com o grande objectivo de testar o seu plano de emergência.

Foi um simulacro de incêndio nas oficinas de manutenção da empresa. No âmbito da operação, os Bombeiros Voluntários de Braga (BVB) deslocaram-se para o local com um carro de combate a incêndio, uma ambulância e sete elementos.

O simulacro de incêndio e evacuação realizado teve como objetivo geral testar a operacionalidade do plano de emergência interno, treinar os colaboradores, criar rotinas de comportamento e atuação, permitindo aperfeiçoar os procedimentos estabelecidos.

Após ter sido detectada e comunicada a situação ao responsável de segurança, o mesmo ativou o plano de emergência contactando os Bombeiros Voluntários de Braga que face à descrição de emergência mobilizou para o local os meios humanos e materiais necessários. Cinco minutos após o contacto, os BVB apresentavam-se nas instalações dos TUB onde a responsável da segurança os aguardava para fornecimento das informações necessárias.

Nessa altura num tempo inferior a cinco minutos, seguindo as indicações da equipa de evacuação, já todos os colaboradores da empresa se encontravam concentrados no ponto de encontro e o foco de incêndio na oficina extinto recorrendo aos meios de primeira intervenção. Já no local do sinistro os Bombeiros Voluntários avaliaram a situação, garantiram as condições de segurança nas operações de busca, salvamento e combate a incêndio.

No decurso destas operações detectaram a presença de um colaborador que no processo de evacuação sofreu uma queda (simulada) na descida das escadas, foram executados todos os procedimentos de estabilização e imobilização da vítima, sendo transportado ao Hospital de Braga pela ambulância presente no local, 17 minutos após a chegada dos BVB aos TUB.

Vinte e quatro minutos após ter sido activado o plano foi dado por terminado o exercício, seguindo-se uma briefing final onde o senhor comandante interino Pedro Ribeiro frisou a importância deste tipo de exercícios nas empresas, bem como a importância formação. Só com uma formação adequada é possível limitar os riscos de incêndio, em complemento às medidas de segurança adotadas no estabelecimento. O investimento efectuado em equipamentos e sistemas de segurança contra incêndios só poderá ser devidamente aproveitado se os colaboradores possuírem formação adequada na área da segurança, de modo a agirem de forma harmónica com as medidas adoptadas.

Às 10:32 minutos após activação do plano de emergência foi reposta a normalidade e solicitado que todas as actividades regressassem à normalidade.”

@Correio do Minho, 06/05/2019

Braga compartilha experiências com Sant Boi

Braga compartilhou recentemente as experiências de adaptação às alterações climáticas com o Município espanhol de Sant Boi, localidade próxima de Barcelona.

Em comunicado, a autarquia liderada por Ricardo Rio refere que Braga foi um dos 12 concelhos europeus seleccionados, entre cerca de 60 candidatos, a participar num programa de intercâmbio para adaptação às alterações climáticas.

Inscrita no Pacto dos Autarcas contra as Alterações Climáticas, a Cidade de Braga está a compartilhar experiências com o Município espanhol de Sant Boi, localizado próximo de Barcelona.

Nesse âmbito, Braga recebeu, no início de Abril, a visita do vice-presidente de Sant Boi, acompanhado de um técnico especializado nessa área.

Após uma apresentação sumária das medidas desenvolvidos com vista à adaptação e/ou mitigação das alterações climáticas, foi efectuada uma visita a diversas das intervenções levadas a cabo no concelho, nomeadamente os sensores de nível e de qualidade da água existentes no rio Este e os sensores de qualidade do ar; a frota de autocarros eléctricos dos TUB; a reflorestação do Monte Picoto e o sistema construído em engenharia natural para evitar a contaminação das linhas de água após os incêndios de Outubro de 2017.

Na Primavera de 2020 está prevista a visita de uma delegação da Câmara de Braga a Sant Boi. Neste período os dois Municípios trabalharão em conjunto, compartilhando ideias e experiências enriquecedoras para ambos os territórios.

@Correio do Minho, 18 de abril de 2019